As nossas mães nos ensinaram tantas coisas através dos seus ditados populares e sem saber o que é Marketing Digital – com raras exceções, é claro – conseguiram nos passar alguns conhecimentos.

Por exemplo, sobre Carros e Bois. Quem nunca ouviu a expressão “não coloque o carro na frente dos bois”.  E o que foi possível aprender com isso? O marketing digital, pelo seu caráter inovador, frequentemente surgem boatos sobre o Facebook acabar, que futuramente anúncios vão morrer e até sobre o alcance orgânico não existir daqui um tempo. E o conselho das nossas mães falavam sobre antecipar coisas que não podem ser antecipadas. Sabemos que muitas ferramentas virão e que o mercado mudará completamente nos próximos anos, mas para isso é preciso estar preparado, mas sempre tomando cuidado para não atropelar os bois, pois assim não chegaremos a lugar algum.

Da mesma forma que elas nos ensinaram a sermos pacientes e pensarmos fora da caixa, também foi possível aprender a ser rápido através de um simples ditado: “Cachorro lerdo come comida fria”. E essa frase diz sobre a importância do posicionamento que uma agência de marketing digital e focada em desempenho precisa. Estar sempre à frente dos concorrentes, ser criativo e inovar para chegar ao objetivo da forma mais rápida. Assim vale para as novas ferramentas e tendências de mercado, quem está a um passo a frente, sempre terá melhor resultado!  

E quem nunca passou pela situação de não conseguir achar alguma coisa e a mãe solta um “Se eu for aí e achar você vai ver”?  Com essa frase, depois de algum tempo trabalhando com comunicação, percebemos o poder da persistência, que é o nosso DNA. É preciso tentar e não desistir até achar o melhor formato e caminho para nossas campanhas.  E ao invés de olhar para frente, olhar ao redor e pensar fora da caixa.

Confira agora o que as mães de alguns integrantes do nosso time falam sempre e que nos fizeram pensar em como aplicar isso no dia a dia da profissão:

“Quando a cabeça não pensa, o corpo padece”  – Valéria, mãe da Renata, nossa atendimento de leads.

Sempre que minha mãe pedia algo que não conseguíamos executar do jeito que ela queria, ela soltava esse ditado. Trazendo para os dias de hoje, essa frase simboliza o pensar no novo, se atualizar para ter um bom desempenho e estar em sintonia com o corpo e a mente.

“Por que o do vizinho é sempre melhor?” – Lourdes, mãe da Flávia, nossa redatora.

Hoje cedo minha mãe soltou essa frase porque meu sobrinho preferiu a minha brincadeira do que a dela. Parei para refletir e realmente, precisamos estar atentos aos nossos vizinhos, ou seja, aos nossos concorrentes para evoluir cada vez mais. A nossa  “grama” precisa estar muito mais bem cuidada e aparada, para continuarmos sendo referência no mercado. Buscar constantes melhorias e estar atento ao nosso redor, essa é a melhor fonte de sabedoria!

“Você vai sair sem blusa?” – Gyslaine, mãe da Luana, nossa diretora de criação.

Hoje fazendo este post parei para pensar no quanto a gente tem que estar preparado para imprevistos e para lidar com situações que estão fora do nosso controle. Um bom planejamento é fundamental para o sucesso, pois um dia na agência pode estar “ensolarado” mas logo acontece uma reviravolta e chove canivete rsrs… O ideal é se antecipar aos problemas, ter um plano B e ter ferramentas para enfrentar o “mau tempo”. Valeu, mãe… sempre tenho uma blusa no carro!

Acredite, podemos levar algo de aprendizado em todos os ditados feitos por essas mulheres! Feliz dia das Mães <3

Nos inspiramos aqui!