Cada etapa do processo de marketing exige uma métrica diferente, isso garante que os esforços investidos não sejam a toa e que o dinheiro não seja desperdiçado.

Saber como mensurar os resultados em cada uma dessas etapas é importante para qualquer empresa que esteja inserida no ambiente digital para saber se o objetivo de uma estratégia,  campanha ou ação foi alcançado, identificar desafios e verificar como sua equipe lidou com eles.

O retorno sobre o investimento *em marketing digital pode se tornar imprevisível caso os resultados não sejam mensurados. Você faz a mensuração de resultados corretamente?
É muito importante ter objetivos bem definidos e aplicar as métricas corretas de acordo com cada um.

2

Para cada um desses objetivos, existe uma métrica que deve ser alinhada com os objetivos centrais do seu negócio. Se o principal objetivo da sua empresa é aumentar os lucros, então suas mensurações devem comprovar como a campanha contribui para esse objetivo ser alcançado.

O que medir em cada objetivo?

Cada ferramenta de mensuração tem suas métricas de tráfego, que devem ser monitoradas durante o estágio de geração de tráfego e são de suma importância para as técnicas de SEO  (otimização de pesquisa) e de CPC (Custo por Clique), as métricas de conversão, que são os visitantes totais convertidos em leads ou vendas concretas, e as métricas de receita financeira, ou seja, o ROI (retorno sobre investimento).

Não se pode definir quais são as métricas mais indispensáveis pois isso depende da estratégia da sua marca e aonde ela quer chegar em uma ação ou campanha, mas cada objetivo pode ser direcionado com as métricas básicas de cada ferramenta de mensuração.  

No Facebook Ads, o que deve ser mensurado inicialmente é o alcance, o número total de cliques, o custo médio por clique, a frequência de visualização, o número de vezes que o anúncio foi mostrado e o custo por clique.

Já no Google Adwords, as principais métricas são a impressão, que é quando o link patrocinado é exibido, o CTR, que mostra a frequência com que os internautas que visualizam o anúncio acabam por clicar nele, e o CPC, que é o valor cobrado por um clique.

A partir daí,  você pode determinar outras métricas importante como taxas de rejeição e conversão e avaliar o desempenho da campanha em comparação com o que tem sido investido ou seja, você obtém o ROI.

Para finalizar, no E-mail Marketing as métricas importantes são o CTR, ou taxa de cliques para medir os cliques do destinatário individual em relação à quantia de mensagens disparadas, a taxa de conversão, que representa o número de pessoas que abriram seu e-mail, foram direcionadas para uma landing page e concluíram a ação pretendida com o disparo do e-mail, a taxa de rejeição, que monitora o número de e-mails que não chegaram ao usuário, e mais uma vez, o mais importante: O ROI, que já falamos acima.

Métricas bem desenvolvidas devem passar por diversos profissionais dentro de uma equipe, então se o objetivo principal é o lucro, o ROI deve ser medido com base total nos esforços de marketing, não apenas na resposta direta do consumidor que viu a campanha antes de efetuar a compra.

Outro exemplo é se o seu objetivo é gerar prospecção online, pode parecer natural diminuir o custo por aquisição (CPA) do trimestre anterior. Mas e se ao diminuir seu CPA você também diminuir a qualidade ou o volume de prospecção e, por consequência, reduzir o faturamento e gerar novos custos? Talvez nesse caso você deva criar uma nova métrica: “Custo por aquisição de alta qualidade.”

Coletivamente, esses esforços mostram como uma melhor mensuração pode aumentar a efetividade da campanha e, o mais importante, garantir um melhor retorno sobre investimento.

Se você acha que é difícil determinar o seu ROI de marketing digital, então saiba que você não está sozinho. São muitos números que devem ser analisados e estudados para saber quais são os resultados de uma campanha, por isso é sempre bom contar com uma equipe especializada no assunto.

Que tal começar agora mesmo a mensurar o desempenho do marketing de conteúdo para medir o retorno sobre o investimento?